Filiados aprovam prestação de contas do Sindaftema com ressalvas.

Em reunião virtual realizada nesta quinta-feira (24/02), os sindicalizados aprovaram, com ressalvas, a prestação de contas do Sindaftema referente ao exercício financeiro de 2021.

Na ocasião, os filiados apreciaram o parecer do Conselho Fiscal, formado pelos auditores fiscais Magno Vasconcelos, Jomar Fernandes e Gustavo Victorio, representante do Conselho.

A comissão analisou e legitimou os lançamentos contábeis do sindicato, entre eles, o balanço patrimonial, demonstração do resultado do exercício, orçamento executado de 2021, remanejamento orçamentário e o orçamento para o ano de 2022. Os documentos foram disponibilizados no site do Sindaftema, para apreciação dos filiados.

No parecer apresentado, foi recomendada a aprovação das contas referente ao ano anterior, com a ressalva de que os novos investimentos de valor igual ou superior à receita média mensal fosse submetido à apreciação da diretoria e à aprovação da assembleia geral. De acordo com Gustavo Victorio, a orientação do Conselho foi dada mediante constatação de que as despesas superaram o limite orçamentário de 2021, especialmente no que tange as obras de revitalização da sede social.

Os filiados fizeram alguns questionamentos referentes aos relatórios contábeis apresentados, o que foram devidamente explicados pelo representante do conselho fiscal e pela diretoria do sindicato. Feitos os devidos esclarecimentos, a prestação de contas e o orçamento financeiro de 2022 foram aprovadas pela maioria dos presentes, sob algumas condições. Devido ao curto prazo e respeitando o que rege o estatuto, os filiados solicitaram a convocação de uma nova assembleia a ser realizada em março, para aperfeiçoar o orçamento de 2022, visando a eficiência e eficácia da aplicação dos recursos, e deliberar alterações estatutárias para modificar a data de realização das próximas assembleias de prestação de contas.

 

Ascom / Sindaftema.

top